Sobre a páscoa, recomeços e chocolates =)

Quando eu era criança, comemorei a páscoa muitos anos na igreja, nos tempos de catecismo, e depois novamente, nos tempos em que fui Batista. Lá aprendi a linda história de um Homem que mudou o curso do mundo e nos ensinou, com sua morte e volta a vida, que é possível recomeçar, lavando a alma, para um novo e melhor caminho.

Desejo do fundo do coração, que todos possamos aproveitar este momento, esta história tão marcante, para refletir sobre o que gostariam de começar a reescrever e, efetivamente, recomeçar.

Como dizia nosso querido e recentemente, super citado, Chico Xavier, “Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim.”

Não é momento de pensar em “quantos passos nós demos para trás” por que, na verdade, esses passos que aparentavam estar sendo dados para trás, eram apenas passos difíceis, com dor e aprendizado, mas que tinham ser dados, na direção que precisava ser seguida, para chegarmos a frente mais fortes e confiantes.

E, para aqueles que preferem falar da Páscoa apenas através dos coelhos e ovos, que o coelhinho lhe traga mais que chocolates, mas todas as emoções que esta delícia nos proporciona quando a mordemos, não em calorias, mas em momentos.

Aí vai um poema bonitinho que peguei do @pensador, para inspirar:

Recomeçar

Recomeça….
Se puderes
Sem angústia
E sem pressa.
E os passos que deres,
Nesse caminho duro
Do futuro
Dá-os em liberdade.
Enquanto não alcances
Não descanses.
De nenhum fruto queiras só metade.

E, nunca saciado,
Vai colhendo ilusões sucessivas no pomar.
Sempre a sonhar e vendo
O logro da aventura.
És homem, não te esqueças!
Só é tua a loucura
Onde, com lucidez, te reconheças…
(Miguel Torga)

%d blogueiros gostam disto: